SEGUNDA-FEIRA – 7/ABRIL/2014

SEGUNDA-FEIRA – 7/ABRIL/2014

SaoJoaoBaptistaDeLaSalleS. JOÃO BAPTISTA DE LA SALLE  (1651-1719).  Para colmatar a falta de mestres com qualidade este sacerdote, nascido em Reims numa família nobre, fundou o “Instituto das escolas cristãs” que promoviam as 12 virtudes entre os mestres: gravidade, silêncio, discrição, prudência, sabedoria, paciência, reserva, bondade, piedade, zelo, vigilância, generosidade. Padroeiro dos educadores desde 1950.

Daniel 13,1-9.15-17.19-30. 33-62 ; Sal 22,1-6 ; João 8,1-11

CristoEAMulherAdultera“TAMBÉM EU NÃO TE CONDENO…” (João8,1-11). Contemplemos como, com a Sua palavra, Cristo abre um futuro à mulher adúltera.    Palavra que distingue a pessoa dos seus comportamentos e a faz sair da confusão : há orientações que conduzem à vida, mas há outras que levam à morte. Então não tenhamos medo de expôr-nos à palavra da verdade, tal como somos e não como gostariamos de ser. Aceitemos o que ela vem trazer de ordem à nossa vida tantas vezes
caótica  e “sobrecarregada” pelo fascínio de “ídolos” de múltiplos rostos. É necessário que esta palavra de Jesus não deixe de ressoar no nosso coração, que ela seja como música de fundo que habita a nossa alma e a mantém numa atmosfera de paz.  Dificilmente faremos o bem num ambiente de temor, no máximo evitaremos o mal. Mas se nos soubermos perdoados por Deus (dom sempre renovado), veremos crescer em nós o desejo, em troca, de amar, de ser e agir como filhos de Deus. Mas temos que ir ainda mais além, na tomada de consciência do perdão de Jesus: tal como a mulher adúltera, nós estamos “à Sua frente”. É pois necessário que durante esta Quaresma cultivemos mais este face a face, que não escondamos o nosso rosto e que, ao contrário, olhemos para a face desfigurada e humilhada de Cristo para nela descobrirmos a Sua ternura por nós. Ajuda-me Senhor a contemplar-Te na Paixão !   Esquecerei então quer os maus desejos do meu coração, quer os fariseus que me acusam e, sem mesmo dar por isso, deixarei de pecar.

Meditações Bíblicas”, trad. das Irmãs Dominicanas de Notre-Dame de Beaufort   (Supl.Panorama, Ed. Bayard, Paris)

ALGÉS – MIRAFLORES