QUINTA-FEIRA – 27/AGOSTO/2015

SantaMonica_27AGOSTA. MÓNICA (332-87). Mãe de STO Agostinho por cuja conversão chorou longos anos. As lágrimas de Mónica testemunham o desejo de dar a Vida divina àquele a quem tinha dado a vida, seu filho, futuro STO Agostinho. Feliz é ela, a serva dO Senhor “cuja carne me gerou no tempo e o coração para a eternidade” (Confissões).

BTO. DOMINGOS BARBERI (1792-1848). Passionista, pioneiro do ecumenismo, exerceu o apostolado especialmente em Inglaterra. Foi ele quem recebeu na Igreja romana o famoso convertido, futuro cardeal B TO John Henry Newmann (foi seu primeiro confessor), em 1845. Foi beatificado em 1963.

1 Tessalonicences 3, 7-13; Sal 89, 3-4. 12-14. 17; Mateus 24, 42-51

“AGORA SENTIMO-NOS COM MAIS VIDA…” (1 Tessa. 3,7-13) .“Como poderemos dar suficientes graças a Deus por vossa causa?” Façamos nossa esta frase de Paulo pensando em todos os que nos rodeiam. Não artificial mente, mas procurando as verdadeiras razões para darmos graças: “o reconforto da sua fé”, a sua fortaleza nas dificuldades, a sua presença, as suas qualidades que nos podem continuar escondidas… Eis o que pode mudar o nosso olhar sobre o outro, nós sempre tão prontos a descobrir -lhe as faltas. E porque não pedir também para eles a graça de “um amor sempre mais intenso alar gado a todos os homens”? (1 Tessalo.3,12).

A FIDELIDADE DE DEUS PRECEDE-NOS SEMPRE (Mat. 24,42-51) . Jesus convoca os Seus discípulos à paciência, convidando-os a vigiar num serviço humilde e escondido. Pensemos nas lágrimas de S TA Mónica, implorando durante longos anos a conversão de seu filho Agostinho, sem nunca desesperar da misericórdia de Deus. Paciência infinita dum coração maternal que nenhum obstáculo foi capaz de desencorajar, paciência sem limites de Deus cujas entranhas estremecem com a idéia de que um só dos Seus filhos possa perder-se. Competindo a cada crente permanecer vigilante, não esqueçamos que a fidelidade de Deus nos precede sempre. Noite e dia, O Pai aguarda o regresso dos filhos pródigos que nós somos. Rezemos pelos que nos deram a vida.

Meditações Bíblicas”, tradução dos Irmãos Dominicanos da Abadia de Saint-Martin de Mondaye (Suplemento Panorama, Edição Bayard, Paris). Selecção e síntese: Jorge Perloiro.